Arquivo da tag: Silício

Dia Nacional do Aço

Hoje, 09 de Abril, é o Dia Nacional do Aço. Preparamos um post cheio de informações!

O aço é uma liga de Ferro-Carbono, produzido nas siderúrgicas por diferentes processos, na maioria das vezes pelo refino do gusa (obtido em altos fornos pela transformação do minério de ferro ), pela refusão da sucata e em menor quantidade, por redução direta do minério.

Comercialmente todo aço produzido pode ser dividido em 2 grupos:

Aços Não Ligados: que são aqueles que não possuem nenhum elementos de liga, como o Cromo (Cr), Níquel (Ni), Molibdênio (Mo), isto é, em sua composição química constam predominantemente Ferro (Fe), além de Manganês (Mn), Silício (Si), Fósforo (P) e Enxofre (S) e principalmente o Carbono (C), que conforme o seu teor percentual irá aumentar ou diminuir a resistência do aço.

Aços Ligados: os acréscimos de elementos de liga específicos ( Cromo (Cr), Níquel (Ni), Molibdênio (Mo), Tungstênio (W), Vanádio (V), etc ), conferem ao aço, conforme a sua aplicação, diversas propriedades sejam elas de resistência, elasticidade, temperabilidade, resistência a corrosão, tenacidade, etc.

Portanto, a estrutura e as propriedades dos aços dependem do teor de Carbono ou da presença ou não de elementos de liga.

Os tratamentos térmicos (têmpera, revenimento, recozimento, normalização, etc ) alteram ainda mais as propriedades mecânicas e a estrutura dos aços, adequando-os especificamente a diferentes aplicações.

Quanto a sua forma sabe-se que os aços também podem ser divididos em 2 grupos: Planos e Não Planos ou Longos.

Aços Planos são as chapas finas, grossas, tiras, placas.

Aços Não Planos ou Longos são os diversos perfis, quais sejam, perfis estruturais tipo I, U, T, cantoneiras, barras redondas, quadradas, chatas, tubos, arames, etc.

Para fabricação do aço nas siderúrgicas, são necessários diversos processos metalúrgicos até a obtenção do produto final que será comercializado sejam ele uma chapa, um tubo, uma barra redonda, um perfil.

O Aço é aplicado nas mais diversas classes:

*Aços para construção mecânica

*Aços estruturais e chapas

*Aços para ferramentas e matrizes

*Aços inoxidáveis

*Tubos

*Aços para a construção civil

 

Fonte: http://guiametal.com.br/artigo/entenda-o-que-e-aco.html

Silício – Entenda sua importância e utilidades


O silício é um elemento químico pertencente ao grupo do carbono e é o segundo elemento mais abundante em combinação com outros elementos, constitui 27,7% da crosta terrestre, perdendo apenas para o oxigênio. Constitui a grande maioria das rochas, solos, areias e terras são compostas de silício, ou das várias formas de sílica pura ou impura, ou de silicatos.
Este elemento em estado livre é um sólido cinza-escuro, duro, de brilho metálico e estrutura cristalina semelhante a do diamante. Suas propriedades químicas se são semelhantes às do carbono: relativamente inerte à temperatura ambiente, com aquecimento há um aumento de sua reatividade com os halogênios e com determinados metais. De modo geral, o silício não é atacado pelos ácidos comuns, mas uma mistura de ácido nítrico com ácido fluorídrico o dissolve. Já em presença de flúor, no entanto, o silício inflama-se e produz óxido.
O silício é um metalóide, que significa “como um metal”. Os metalóides não são metais típicos nem não metais típicos, mas apresentam propriedades de ambos; são comumente chamados de semi-metais.
São importantes utilizades do silício:
* Como carga em materiais de revestimento e compósitos de cimento, como cerâmicas.
* Como elemento de liga em fundições.
* Fabricação de vidro e cristais para janelas e isolantes, entre outros usos.
* O carboneto de silício é um dos abrasivos mais importantes.
* Se usa em lasers para a obtenção de luz com um comprimento de onda de 456 nm.
* O sílicio é um dos componentes do polímero silicone.
* Na fabricação dos diodos e diversos componentes eletrônicos.
* É um elemento relativamente inerte e resistente à ação da maioria dos ácidos.

Fonte: http://www.ebah.com.br/content/ABAAAfANYAE/propriedades-carbono-silicio

http://fisicaequimicanocotidiano.wordpress.com/2010/03/18/a-importancia-do-silicio-no-cotidiano/